Quem tem medo de lobo?

Meu amigo Moisés Franco me indicou uma história encantadora sobre um lobo (#superdica). Será possível que um lobo conviva com pessoas e outros cachorros? Pouco provável, né? Na verdade não…

Por 6 anos, um lobo conviveu com pessoas e cachorros em Juneau, capital do Alasca! E esta amizade está retratada no  livro A Wolf called Romeo, escrito por Nick Jans.

Como será esta história?

Como será esta história?

 

Nick é filho de um cônsul, passou os primeiros anos de sua vida morando em diversos países e se formou em licenciatura em Inglês e Literatura. Porém, seu sonho era viver em um ambiente selvagem. Em 1979 foi morar no Alasca. Depois de alguns empregos, tornou-se professor. Em 20 anos explorou a região a pé, na canoa, snowmobile, entre outras maneiras. Tornou-se fotógrafo profissional de natureza e escritor. Escreveu 11 livros e centenas de artigos. E este foi seu último livro, publicado em julho de 2014.

Voltando ao lobo, por muitos anos, Nick os caçou e matou. Por isso, quase não acreditou quando viu um lobo brincando com seu cão no quintal. A verdade é que ele já estava acostumado com idas e vindas de lobos nos arredores de sua casa, mas este era especial, ele interagia com pessoas e cachorros.

Segundo ele, isto aconteceu porque os cachorros queriam interagir com este lobo em especial. Talvez pelo fato de que  cachorros são descendentes dos lobos. #faz sentido

Em pouco tempo, ele conquistou muitas pessoas e cães. E até recebeu um nome: Romeu. #lindodemais

Ah! Tô "xonada" por Romeu!

Ah! Tô “xonada” por Romeu!

 

É claro que havia muito burburinho em torno desta convivência. Tinha o grupo de pessoas que aceitou numa boa, outro que ficou ressabiado e um terceiro que se revoltou com o fato do lobo ter recebido um nome (alguns estudiosos acreditam que não podemos modificar animais selvagens).

Conheço todo este blábláblá de não tratarmos animais como animais. Por exemplo, todo mundo diz que o Renato e eu estragamos o Jack (nosso buldogue francês) porque o tratamos como um bebezinho. Porém, a verdade é: como não se apaixonar por estes seres? Tenho certeza que não somos os únicos a fazer isto. E é certo que o mesmo aconteceu com parte da população de Juneau (incluindo Nick, que não matou Romeu assim que o viu. Muito pelo contrário…).

Bem, tudo ia muito bem até que caçadores de fora chegaram na cidade e mataram Romeu. A tristeza tomou conta da cidade, mas infelizmente isto não trouxe Romeu de volta. #tristedemais

Depois que conheci a sinopse desta história, não me contive e incluí este livro na minha lista de leitura. Ah! É claro que também já separei a caixa de lenços de papel! Por quê? O chororô é certo! #soumanteigaderretidasim

Muah!!!



Autum Style


Sobre o autor

Zaida Campbell Albuquerque
Zaida Campbell Albuquerque

Oi! Eu sou a Zaida Campbell Albuquerque, carioca, quarentinha e apaixonada por fotografia. Sou contadora, mas nunca trabalhei na área. Porém, adoro contar histórias! Meu negócio é administrar a bagunça! Aqui será o espaço em que dividirei com vocês o que gosto e o que não gosto!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

Algumas imagens divulgadas não são de minha autoria. Se alguma foto for sua e você desejar que ela seja creditada ou removida, por favor entre em contato.
criatudo